Inscrições abertas para oficina educativa sobre Quelônios da Amazônia.

中文   Français   Deutsch   Italiano   日本   English   Россию   Español

10 novembro 2013

Os jovens interessados precisam ter a partir de 14 anos e disponibilidade de horário todas as quartas-feiras à tarde para participar da formação.

Os quelônios que existem no Bosque da Ciência (tartaruga-da-Amazônia, tracajá, irapuca e cabeçudo) serão apresentados com mais detalhes. Foto: Daniel Jordano/ Inpa/ Divulgação

Manaus - O Laboratório de Psicologia e Educação Ambiental (Lapsea), do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa), inscreve na próxima segunda (11) e terça-feira (12) jovens com interesse em participar de oficina educativa, que nesta rodada vai trabalhar com o tema “Quelônios da Amazônia”. O ciclo de oficinas faz parte do processo de formação de jovens na área de Educação Ambiental.

De acordo com uma das coordenadoras do projeto, a pedagoga Genoveva Azevedo, as oficinas do Programa Jovens Ambientalistas acontecerão todas as quartas-feiras, das 14h30 às 16h30, com início já na próxima semana, dia 13. “Nessas oficinas, os jovens terão aulas com especialistas e vivências no Bosque da Ciência do Inpa. A formação tem duração de dois meses e meio aproximadamente”, disse a pesquisadora.

Após esse primeiro aprendizado sobre os Quelônios da Amazônia, os jovens irão divulgar o conhecimento adquirido para os visitantes do Bosque da Ciência , que é um espaço estruturado para fomentar e promover a popularização da ciência e a educação ambiental. O bosque recebe cerca de 140 mil visitantes por ano. 

Segundo a técnica do LAPSEA, a bióloga Adriana Terra, a oficina dará, em um primeiro momento, um panorama sobre os quelônios da Amazônia, destacando os aspectos biológicos e a importância ecológica desses animais dentro do ecossistema.

Noutro momento, serão apresentados com mais detalhes os quelônios que existem no Bosque da Ciência (tartaruga-da-Amazônia, tracajá, irapuca e cabeçudo), que ficam na área da Tanimbuca e no Logo Amazônico. “O que queremos é que eles se apropriem de tais conhecimentos e sejam ativos na socialização com os visitantes do Bosque”, disse a bióloga.

Para participar, o interessado precisa ter a partir de 14 anos e se dirigir as salas 1 e 2 do LAPSEA para fazer a inscrição. O laboratório fica ao lado do restaurante, no campus I, localizado na Avenida André Araújo, Aleixo, zona centro-sul de Manaus. As vagas são limitadas a 30 participantes.

Fonte: D24am
Compartilhe:

Receba as notícias por e-mail!

Siga o Sou Eco nas redes sociais!

»Não deixe de ler:

Franklin Oliveira

Técnico em Meio Ambiente, Gestor Ambiental, Consultor Ambiental Autônomo, Auditor Interno de Sistema de Gestão Integrado nas normas ISO 9001:2008, ISO 14001:2004 e OHSAS 18001:2007, atua na elaboração, implementação e acompanhamento de projetos e programas ambientais voltados à sustentabilidade, educação ambiental, impactos ambientais, gestão de riscos ambientais e gerenciamento de resíduos sólidos.

E-mail Canal no You Tube

Sou Ecológico - Muito Mais Eco
▲